Close

Fiscalização Estadual

RECEITA ESTADUAL FISCALIZA EMPRESAS SUSPEITAS DE EMISSÃO FRAUDULENTA DE NOTAS FISCAIS

A Receita Estadual deu início, na quarta-feira (dia 16/9), à segunda fase da operação “Noteira”, cujo objetivo é identificar empresas abertas em Minas Gerais pelos chamados “laranjas” para emitir notas fiscais com a finalidade de sonegar ICMS.

Os alvos da operação são 61 estabelecimentos comerciais localizados em 38 cidades mineiras, nas regiões Metropolitana de Belo Horizonte (Betim, Contagem, Juatuba e Mário Campos); Alto Paranaíba (Campos Altos e Patos de Minas); Central (Santa Bárbara, Serro e Sete Lagoas); Centro-Oeste (Bom Despacho, Perdigão, Perdões e Piumhi); Noroeste (Cabeceira Grande, Guarda-Mor, Paracatu e Unaí); Norte (Chapada Gaúcha, Manga, Montes Claros, Pirapora e Urucuia); Rio Doce (Engenheiro Caldas, Nova Belém e São Sebastião do Anta); Sul (Andradas, Bueno Brandão, Ibitiúra de Minas, Itajubá, Jacutinga, Lavras, Minduri, Pouso Alegre, Pratápolis e Varginha) e Triângulo (Prata, Tupaciguara e Uberlândia).

Veja a matéria na integra no link: http://www.fazenda.mg.gov.br/noticias/2020/2020.09.16_opNoteira/index.html

 

Fonte: Secretaria de Estado da Fazenda de Minas Gerais, publicado em 06/09/2020

 

Olá estamos online.
Iniciar conversa